domingo, 21 de março de 2010

Transporte Coletivo

Na manhã de ontem em frente o Quartel de Policia uma cobradora do transporte coletivo desceu com uma usuária nos tapas e pontapés. O motorista vendo tudo e imóvel achou tudo isso uma festa. Alem de pagar por um transporte público sem nenhuma qualidade, a usuária teve seu uniforme de trabalho todo sujo pelas agressões da cobradora.

2 comentários:

assa disse...

isso é mais comum do que se imagina infelizmente nossos governantes permitiram que nos tornassemos reféns desse transporte alternativo,hoje quem quer se locomover tem suportar humilhação, violação a direitos constitucionais,e simplesmente ficar calado pois corre o risco de apanhar seja dos cobradores ou dos motoristas.

Anônimo disse...

Nesse mesmo lugar, passei, tb, por um constrangimento. Tudo porque eu pedi ao motorista que parasse no ponto de parada que fica próximo ao Fabiano Auto Peças, e que é o local certo, pois é lá que está a marcação. Ouvi do motorista que Eu era a errada. Eu me recusei sair da Van e ele foi obrigada a parar lá, no local certo.

Depois fiquei pensando: aquela discussão poderia me levar a morte, já eles não brincam em serviço e são capazes de tudo. TUDO MESMO.