terça-feira, 8 de junho de 2010

Menos Laercio, menos.

Trabalhadores em educação pública de Parauapebas não estão nada satisfeito com o radialista Laercio de Castro.
O radialista publicou aqui e aqui, que os professores iriam promover um quebra quebra hoje na praça de eventos.
Nada disso aconteceu e a manifestação mais uma vez ocorreu em clima pacifico e ordeiro.
Em nota o Sintepp reprova as declarações do radialista e o acusa de tentar enfraquecer a  luta dos trabalhadores em educação.
Um dirigente do sindicato perguntava:
"Quais os reais interesses do radialista em pré-julgar as ações do sindicato"?

3 comentários:

Anônimo disse...

Não podemos esquecer que este mesmo radialista exerce um cargo de confiança no governo, logo tudo o que faz nada mais é do que tentativas de polpar suas finanças.
Só não sei se essas finanças seram o suficientes para pagar indenizações.

Anônimo disse...

Não podemos esquecer que este mesmo radialista exerce um cargo de confiança no governo, logo tudo o que faz nada mais é do que tentativas de polpar suas finanças.
Só não sei se essas finanças seram o suficientes para pagar indenizações.

David disse...

Este Laercio de Castro, alías esse pessoal da rádio arara azul fm, são todos um bando de puxa saco do governo e da mineradora vale. São um bando de piratas que vieram a parauapebas apenas com intereses politicos, quem não se lembra da candidatura de Láercio e de Demerval. se a população não abrir os olhos daque a pouco te aquele cabeludo vai querer tirar uma casquinha da prefeitura, afinal vez por outra ele faz seus discursos na rádio, sei não mais acho que tem cabelo em 2012. Mas o povo não é bobo não!